Resag

RESAG realiza 3ª edição do Congresso Internacional em Belo Horizonte

465 participantes. Mais de 300 trabalhos recebidos, dos quais mais de 200 selecionados para exposição no Congresso. 17 Estados do Brasil representados. Governo, Academia, Agências de fomento, Órgãos de tecnologia, Empresas entre outros atores reunidos em um mesmo ambiente. Painéis, debates e forte networking entre os participantes.

Estes são alguns dos pontos de destaque do 3º Congresso Internacional Resag, realizado entre os dias 13 a 15 de setembro de 2017, que novamente marcou a agenda dos presentes e envolvidos neste fundamental encontro de profissionais, para os quais a questão da garantia do abastecimento de água e universalização do saneamento é objeto de trabalho. Foi um evento que mais uma vez viabilizou e celebrou o encontro de centenas de profissionais e estudantes para analisar o atual panorama brasileiro e também o futuro da água no país.

A presença de participantes do exterior também enriqueceu muito o evento, já que permitiu agregar novos conhecimentos e experiências aos especialistas e gestores do País, bem como conhecer novas perspectivas sobre questões comuns a países diferentes. Destaque especial é dado à participação de membros da Cooperation on International Traceability in Analytical Chemistry (Citac) em cursos e palestras, bem como da Universidade de Lisboa e do Manufacturing Extension Partnership Program do NIST-USA. A presença de participantes internacionais foi mais um reconhecimento à importância do Congresso realizado pela Resag.


"A qualidade do evento foi mesmo de excelência e o bom ambiente formado deixou saudades em todos", assinalou a Coordenadora da Resag, Dra. Vera Ponçano. De fato a equipe organizadora do evento não mediu esforços para garantir aos participantes uma intensa sinergia na atualização do conhecimento e de novas tecnologias durante os dias de Cursos e Palestras. No último dia de Congresso, após uma alegre cerimônia de premiação aos melhores trabalhos apresentados, o evento terminou com uma apresentação de samba e uma bonita confraternização.

No dia seguinte, aos participantes interessados, foi aberta a possibilidade de uma visita guiada exclusiva ao internacionalmente conhecido Museu de Inhotim, famoso por sua capacidade de fusionar a atividade humana artística com o meio ambiente e converter a natureza na moldura perfeita para as obras expostas.


O tom comprometido do evento é sempre combinado com uma objetividade e momentos de descontração, por crença pessoal da equipe Resag, que acredita neste tipo de interação como a mais profícua para o alcance dos melhores resultados científicos, políticos e de gestão possíveis. Os Congressos Internacionais Resag são construídos desde o início até seus términos em conjunto com os participantes, fato importante para o estabelecimento e consecução das metas de cada encontro internacional já realizado, ao qual se soma este 3o Congresso.

Os impactos gerados pelo evento perdurarão por muito tempo e certamente são um impulso novo a todos os participantes, comprometidos com o mais essencial recurso natural nacional: a água.

Em breve, na página da Resag (www.resag.org.br) serão colocadas todas as fotos do evento, que ficará na memória de todos, mas sobretudo muito presente nas atividades diárias dos participantes e nas novas possibilidades que se abrirão no futuro.


Forte impacto nos participantes, impacto zero em emissões CO2!

Por iniciativa do ISTMA (Instituto SENAI de Tecnologia em Meio Ambiente) - CIT SF (Centro de Inovação e Tecnologia SENAI FIEMG) o 3o Congresso Internacional Resag teve seu impacto ambiental analisado, no que tange às emissões de CO2. Foram levantadas diversas informações como deslocamentos, alimentação, uso de energia, consumo de água, hospedagens utilizadas, montagem e desmontagem do evento, com a finalidade de produzir um cálculo sobre as emissões geradas pelo evento, fato que permite apagar a pegada ecológica produzida.

Após, um relatório foi produzido e uma compensação ambiental que contemple plantio e manutenção de mudas foi proposta. “Chegamos a um total de 22,62 tCO2e (toneladas de CO2 equivalentes). Iremos doar 114 mudas para a Fundação Municipal de Parques e Áreas Verdes de Contagem (CONPARQ), que assumirá o compromisso de monitoramento e plantio. Lembrando que as mudas serão doadas pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF)”, é o que afirma a Pesquisadora Marina Andrada Maria.

A bela e fundamental iniciativa da Pesquisadora Marina deu ainda mais coerência a um Congresso que se propôs a ser um marco no compromisso internacional pela garantia do acesso e preservação dos recursos hídricos. “A importância desta medição realizada pela Marina vai de encontro ao que acreditamos e praticamos todos os dias na Resag, no que se refere aos recursos hídricos: água só se for na medida certa!”, pontuou a Dra. Vera Ponçano.


Resag
Avenida Paulista, 2.200 - 9º Andar, CEP 01310-300
Consolação, São Paulo - SP - Brasil
Tel.: +55 11 3283 1073
C2013 Resag - Todos os direitos reservados
Produzido por BRSIS