OFICINAS

OFICINA SIBRATEC-ST

DIA: 30/10/2014

PERÍODO: 15:15 h – 17:30 h

OBJETIVO: Debater o modelo político e operacional do componente Sibratec de Serviços Tecnológicos (Sibratec-ST) para sua adequação às demandas de políticas públicas e privadas.

TEMAS:

Tema 1 – Estruturação do Sibratec-ST

Neste tema serão debatidos os seguintes assuntos:

  • A disponibilidade de instrumentos de apoio governamental para serviços tecnológicos;
  • Os diversos recortes dos segmentos de mercado ou tecnológicos para os quais as Redes prestam serviços tecnológicos de interesse a políticas públicas e privadas;
  • Os diferentes arranjos de instituições em Redes, em razão da diversidade de serviços, ações e iniciativas de serviços tecnológicos de interesse a políticas públicas e privadas;
  • O papel das instituições públicas e privadas na prestação de serviços tecnológicos.

Tema 2 – Boas Práticas de Governança e Gestão do Componente Sibratec-ST

Neste tema serão abordados os seguintes assuntos:

  • A qualidade dos fluxos financeiros e operacionais para implementação do componente Sibratec-ST e as oportunidades para contornar suas dificuldades, limitações, deficiências e distorções identificadas;
  • As consequências das ações dos agentes governamentais na consolidação das Redes;
  • A adoção de ações ou iniciativas de prospecção e identificação de demandas por serviços tecnológicos de interesse às políticas públicas, principalmente os derivados de processos regulatórios que não sejam objetivos diretos da iniciativa privada;
  • A promoção das Redes Sibratec-ST como parte da política dos agentes públicos;
  • A adoção de ações ou iniciativas públicas para atração de micro e pequenas empresas para uso de serviços tecnológicos;
  • A formalização das Redes Sibratec-ST.

Tema 3 – Boas Práticas de Governança e Gestão das Instituições das Redes

Neste tema serão discutidos os seguintes assuntos:

  • A profissionalização da gestão das Redes;
  • A identificação pelas Redes do perfil de seu segmento de mercado ou tecnológico e de suas empresas clientes;
  • As limitações e dificuldades na contratação e execução de serviços prestados pelas Redes;
  • As boas práticas de cooperação entre as instituições;
  • A interação das Redes entre elas e com instituições públicas e privadas;
  • Os critérios para participação das instituições nas Redes;
  • Os direitos e deveres das instituições que integram as Redes;
  • As ações de divulgação e marketing das Redes para captação de clientes e a mensuração de impactos destas ações;
  • A elaboração de planos de ação e de negócios pelas Redes, contemplando definições sobre estratégias, ações e metas para captação de clientes;
  • A prospecção pelas Redes de oportunidades e tendências para prestação de serviços tecnológicos;
  • A identificação da qualidade do atendimento às empresas e sua satisfação com os serviços prestados.

Promotores:



Apoio Financeiro:

Patrocinadores:

Diamante:
Ouro:
Bronze:

Patrocínio Especial:

Labwin Sotware Labwin Sotware

Apoio:

Produzido por BRSIS