CONHEÇA SERGIPE

O Estado de Sergipe tem cerca de 85% do território a menos de 300 m de altitude. São Francisco, Vaza-Barris, Sergipe, Japaratuba, Piauí e Real são seus rios principais.

Aracaju

O Estado encontra-se com aproximadamente 47% de seu território dentro do polígono das secas (área sujeita a prolongadas e crônicas estiagens que impõem grave sofrimento à população ali estabelecida) segundo dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

O clima é tropical, mais úmido próximo ao litoral (pluviosidade média anual de 1600mm na capital) e semiárido no sertão. Em algumas ocasiões, a seca no Oeste do estado chega a se prolongar por longos períodos.

A população e o setor produtivo de Sergipe são abastecidos por águas provenientes de rios, águas subterrâneas e cisternas que armazenam água de chuva (sobretudo no interior do Estado).

Segundo informações do Comitê de Bacias Hidrográfica da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos de Sergipe, os rios Japaratuba, Sergipe e Piauí são rios considerados Estaduais, pois suas bacias estão dentro do Estado de Sergipe, exceto por uma pequena área dos rios Sergipe e Piauí, que recobre terras baianas. O Rio São Francisco, fonte importante de água para o Estado, bem como para diversos Estados do Nordeste, é um rio federal.

Universidade Tiradentes - UNIT

Nessa região, as questões ambientais preocupam e evidenciam a necessidade de ações de curto, médio e longo prazo. A exploração mineral e a expansão da cana-de-açúcar, atividades econômicas existentes no Estado, despertam preocupação no que se refere a fatores de agressão ao meio ambiente. Igualmente, poucas são as ações incrementadas nas bacias voltadas para os aspectos de preservação e conservação do meio ambiente. O crescimento urbano e o desenvolvimento industrial submetem as águas a intensa poluição, resultante dos efluentes domésticos e industriais. Nas cidades Sergipanas há problemas inerentes a quase todos os municípios brasileiro como: lixo, esgoto a céu aberto, assoreamento de rios e riachos, pesca predatória, uso indiscriminado de agrotóxicos, extração inadequada de minerais, desmatamento e problemas relacionados com os resíduos industriais.

Realizadores:

Patrocinadores:

Patrocínio Ouro:

Patrocínio Prata:

Patrocínio Bronze:

Patrocínio Especial:

Apoio:

Tratamento de água
Produzido por BRSIS